InicialHistória e Títulos

História e Títulos

A Associação Cultural e Desportiva Potiguar, popularmente conhecido como Potiguar de Mossoró, é um clube brasileiro de futebol da cidade de Mossoró, no estado do Rio Grande do Norte. Manda seus jogos no estádio Nogueirão, com capacidade para 5.000 pessoas. O Potiguar é um dos maiores times do interior do Rio Grande do Norte, e também é dono da maior torcida do interior do estado, segundo pesquisa realizada pelo instituto Consult.

O Potiguar foi fundado em 11 de fevereiro de 1945, fruto da fusão de dois clubes de Mossoró: o Esporte Clube Potiguar e a Sociedade Desportiva Mossoró. Em 1951, o Potiguar veio a conquistar seu primeiro campeonato municipal. Dequinha (que mais tarde viria a jogar pela Seleção Brasileira) e Bira (que jogou no futebol europeu) foram os responsáveis pelas primeiras conquistas do clube.

Estreia estadual

Em 1974, o clube veio a participar de seu primeiro campeonato estadual. Estreou no dia 11 de agosto, enfrentando a equipe do ‎América e perdeu por 3 a 1. Em sua segunda partida, enfrentou o Alecrim, novamente derrotado, desta vez por 1 a 0, mesmo resultado no jogo contra o Riachuelo.

Nesta primeira fase do campeonato estadual o clube veio a perder todos os jogos. A superação veio no segundo turno: venceu por 3 x 0 o Alecrim; venceu por 1 x 0 o ABC e empatou de 1 x 1 com o Riachuelo, terminando em primeiro na chave, à frente do ABC. Classificou-se para as finais do turno, no qual obteve dois empates por 0 x 0 contra o ABC e ‎América, vencendo o Força e Luz por 1 a 0. Como houve empate nos pontos entre Potiguar, ABC e ‎América, foi necessária a disputa de uma decisão extra para se conhecer o campeão do segundo turno. O Potiguar perdeu por 1 x 0 do ‎América e empatou de 1 x 1 com o ABC, ficando na terceira posição.

No terceiro turno, a equipe ficou em segundo lugar. Os resultados foram: vitória por 2×1 contra o Riachuelo; derrota de 1×0 contra o ABC, vitória de 2×1 contra o ‎América, empate por 0x0 contra o ‎América e vitória de 2×1 contra o Força e Luz. Terminou o turno em segundo e, na classificação geral ficou na quarta posição.

O Time Macho no Brasil
Até hoje o Potiguar foi a única equipe do interior do estado do Rio Grando do Norte a participar de uma edição de Campeonato Brasileiro da Primeira Divisão. Em 1979, a equipe mossoroense ficou no grupo F, ao lado do Fortaleza, Ferroviário, ABC, América de Natal, CRB, CSA e ASA de Arapiraca, Leônico da Bahia e Itabaiana. A equipe alvirrubra disputou nove jogos, conquistando duas vitórias, três empates e quatro derrotas, somando 7 pontos, marcando cinco gols e sofrendo dez.

Confrontos:

2R

3R

4R

5R

7R

8R

9R

11R

13R
Em todos os Campeonatos Brasileiros, o Potiguar já disputou 122 partidas, obtendo 34 vitórias, 24 empates e 64 derrotas, marcou 125 gols e sofreu 200. O TIME MACHO disputou: 10 edições da Série C (1995, 1996, 1997, 1998, 1999, 2000, 2004, 2006, 2007 e 2008) e três edições da Série D (2010, 2013 e 2016), além da Série A em 1979.

A melhor campanha do Potiguar em uma edição de Campeonato Brasileiro foi realizada na Série C de 1999. A equipe alvirrubra terminou a competição na nona colocação. Em 13 jogos disputados foram: sete vitórias e seis derrotas, terminando com 21 pontos, o Potiguar marcou 16 gols e sofreu 16. Com oito marcados, o eterno ídolo Canindezinho, foi o artilheiro alvirrubro na competição. O Potiguar detém um recorde entre os times do interior do RN que disputaram competições nacionais. É a equipe do interior do Rio Grande do Norte que conquistou mais vitórias seguidas em uma edição de campeonato brasileiro, foram cinco vitória seguidas: 2×1 Botafogo PB, 2×1 Fortaleza CE, 1×0 Tocantinópolis TO, 2×0 Fortaleza CE e 1×0 Moto Club MA.

Na Copa do Brasil, o Potiguar disputou 10 partidas, obtendo 3 vitórias, 1 empate e 6 derrotas. No total, marcou 10 gols e sofreu 26. O TIME MACHO disputou quatro edições da Copa do Brasil (2005, 2006, 2009 e 2014).

O Potiguar disputou em 2014 a Copa do Nordeste. A equipe ficou no GRUPO C da competição com Ceará, CRB e Treze. Em seis jogos, o alvirrubro conquistou duas vitórias, três empates e uma derrota. Ficou na terceira colocação do grupo. Foram oito gols marcados e sete gols sofridos.

Primeiro Título Estadual

O ano de 2004 ficou marcado na história de Mossoró, devido a dois fatos: a decisão da Copa RN entre as duas principais equipes da cidade e a inédita conquista do título estadual pelo Potiguar.
Na campanha do título do Campeonato Estadual, o Potiguar foi a melhor equipe da competição, vencendo seus jogos com um bom futebol apresentado. Com o apoio de sua torcida, a equipe venceu o clássico da cidade contra o Baraúnas por 1×0. O Potiguar terminou a 1° fase em 1° lugar no grupo do interior. Nas quartas de finais, a equipe eliminou o Caicó após dois empates. Nas semifinais, passou pelo São Gonçalo, com uma vitória de 1×0 em casa e um empate em Natal, classificando-se para a disputa do título contra o América. Na final, conquistou o título sobre o América, com direito a uma goleada por 4×0 em cima do adversário, na primeira partida da decisão, com um público de mais de 10 mil pessoas no Nogueirão.
Além de ter sido o primeiro clube de Mossoró a conquistar um título estadual, o Potiguar também teve o artilheiro do campeonato: Canindezinho – ídolo do Potiguar com 77 gols marcados na história do clube – marcou 14 gols na competição. A campanha do Potiguar em 2004 foi de 9 vitórias, 7 empates e 2 derrotas. Marcou 37 gols e sofreu 18.

Time base: Claudevan; Gleidson, André, Bartô e Leandro; Erivan, Jânio, Márcio Cardoso e Chiquinho; Canindezinho e Marcelo Martinelly. Técnico: Miluir Macedo.

Foto: Divulgação

Foto: Divulgação

Vice-campeonato de 2008

Em 2008, o Potiguar sagrou-se campeão da Copa Cidade do Natal, equivalente ao segundo turno do campeonato estadual do RN. Na final, no jogo de ida o time mossoroense venceu o América por 3×0 em pleno Machadão. No jogo de volta, apesar da derrota por 3×2 ficou com o título garantiu a vaga para final do campeonato. Na final o Potiguar enfrentou o ABC, que jogou por dois resultados iguais. O Potiguar acabou ficando com o vice-campeonato após dois empates por 2×2. Foi o terceiro vice campeonato do Alvirrubro. A equipe foi vice campeã na temporada 1997 e 2006.

Time base: Marcos Paulo; André Borges, Gustavo, Ricardo Brás e Eduardo; Wellington Carioca, Daniel, Jean Carioca e Vaninho; Sandro e Ítalo. Técnico: Miluir Macedo.

Foto: Fabio Oliveira

Foto: Fabio Oliveira

2013: Superação e Conquistas
No ano de 2013, o Time Macho começou o estadual de pé esquerdo, com a morte do jogador Neto Maranhão. O elenco e os torcedores ficaram muito abalados, e de qualquer maneira queriam dar um ‘presente’ ao então jogador. Foi aí que o alvirrubro mossoroense começou a caminhada rumo ao título estadual, e logo na fase preliminar conseguiu a 2° colocação, e de quebra a vaga na Copa do Brasil.

No primeiro turno não apresentou o bom futebol que havia apresentado na fase preliminar, mas no segundo e último turno o Time Macho foi com tudo, conquistando o 1° lugar e desbancando o então ‘favorito da capital’ ABC. E não parou por aí, com a 1° colocação o Alvirrubro levou a decisão da Copa Cidade de Natal pra Mossoró, onde ganhou por 2 a 1 do América de Natal. Daí vieram mais duas conquistas: as vagas da Copa do Nordeste 2014 e do Campeonato Brasileiro da Série D de 2013.

Com a conquista da Taça cidade de Natal, o Potiguar foi decidir o Campeonato com o mesmo América, ai veio a surpresa pra muitos, como tinha empatado o 1° jogo em mossoró por 2 a 2, o time macho foi decidir lá em natal, em um jogo muito movimentado a equipe natalense saiu na frente, mas eles não esperavam que o Potiguar fizesse um gol no finalzinho do 2° tempo, que levaria a decisão pros pênaltis, onde o TIME saiu vitorioso em um placar de 5 a 4 tornando-se bi-campeão estadual, sendo o único time do interior do Rio Grande do Norte a conseguir este feito, que ficará pra história.

Time base: Santos; Genilson, Ivson e Anselmo; Chiquinho, Magno, Lima, Daniel, Vaninho e Paulinho; Kattê. Técnico: Celso Teixeira.

Foto - Frankie Marcone

Foto – Frankie Marcone

A NAÇÃO ALVIRRUBRA

O Potiguar é dono da maior torcida do interior do estado do Rio Grande do Norte. A Nação Alvirrubra é a terceira maior torcida do estado, ficando somente atrás das torcidas do ABC e América.

CENTRO DE TREINAMENTO MANOEL BARRETO FILHO

Localizado no bairro Alto do Sumaré, zona leste de Mossoró, o terreno onde está sendo construído o Centro de Treinamento Manoel Barreto Filho, foi apresentado ao torcedor e a imprensa no dia 16 de dezembro de 2012. Quando concluído, o Centro de Treinamento Manoel Barreto Filho contará com dois campos de futebol, academia, 16 apartamentos para atletas e comissão técnica, sala de imprensa, escritórios para todos os departamentos de futebol (profissional e amador), salão de jogos, piscinas, área de lazer para o torcedor.

Títulos

Competição Títulos Temporadas
WikiCup Trophy Gold.png Campeonato Potiguar 02 2004 e 2013

WikiCup Trophy Gold.png

Copa Cidade de Natal 02 2008 e 2013
WikiCup Trophy Gold.png Copa Rio Grande do Norte / Ceará 01 1999

WikiCup Trophy Gold.pngOutras conquistas

  • Vice-Campeão do Campeonato Potiguar: 3 vezes (1997, 2006 e 2008)
  • Taça Cidade de Mossoró: (2011)
  • Torneio Início (RN) : (1979)
  • Campeonato Potiguar 2ª Divisão: 1 (1981)
  • Torneio Natal/Mossoró: 1 vez (1967)
  • Campeonato Mossoroense: 19 vezes (1951, 1952, 1953, 1954, 1955, 1957, 1964, 1965, 1966, 1968, 1969, 1971, 1973, 1975, 1976, 1980, 1985, 1986 e 1987).
Scroll To Top

Facebook

Likebox Slider Pro for WordPress